Verão – cuidados com a exposição solar.

Por: Dra. Gabriela Nero Mitsuushi, publicado em: 20/12/2018

No verão, a temperatura sobe e aumentam as atividades ao ar livre e as idas à praia, aumentando muito a exposição solar. Consequentemente, há aumento de risco de queimadura solar, câncer de pele, manchas, espinhas, danos aos cabelos, micoses, brotoejas em crianças, dentre outros. Vamos aproveitar essa época do ano tão gostosa mas com os cuidados adequados?

CUIDADOS COM A EXPOSIÇÃO SOLAR

A fotoproteção nessa época deve ser redobrada. Evite a exposição ao sol entre 10h e 16h. Barreiras físicas como roupas de algodão, chapéus, bonés e óculos de sol são ótimos aliados. Nas áreas não cobertas, use e abuse do filtro solar. O filtro solar deve ser de FPS 30 ou mais e deve ser aplicado todos os dias antes de se expôr ao sol, sendo reaplicado a cada 2 horas ou sempre que houver sudorese intensa ou banho de mar/piscina. Não se esqueça das orelhas, nuca, áreas calvas do couro cabeludo, mãos e pés. Para crianças maiores de 6 meses de idade, são indicados filtros solares físicos, crianças menores devem utilizar roupas/barreiras físicas como forma de se protegerem. Procure um dermatologista em caso de queimadura solar.

CUIDADOS COM A PELE

Os banhos devem ser mornos a frios para evitar ressecamento.
Use hidratantes logo após o banho e aumente a ingestão de água, sucos, água de coco e frutas.
Quem tem melasma ou tendência a manchas deve redobrar os cuidados - use e abuse de filtro solar, mantenha o tratamento clareador, use fórmulas orais que aumentam a proteção solar indicados por seu dermatologista e recorra a barreiras físicas (roupas, chapéus, guarda-sol e sombrinha).
Evite procedimentos dermatológicos agressivos nessa época, devido ao aumento de risco de manchas. Proteja cicatrizes recentes com adesivos, esparadrapo ou protetor solar.

MICOSES

A recomendação é secar-se bem após o banho, principalmente áreas de dobras da pele, como virilha, entre os dedos dos pés e axilas. Deve-se também evitar andar descalço em pisos constantemente úmidos (lava-pés, vestiários, saunas). Recomenda-se evitar calçados fechados sempre que possível, optando pelos mais largos e ventilados. Importante também é usar somente o seu material para manicure.

BROTOEJAS

Ocorrem mais em bebês e são pequenas lesões arredondadas, principalmente nas “dobrinhas” e locais mais quentes do corpo. Usar roupas leves e soltas e evitar locais muito abafados que propiciam a sudorese excessiva são algumas dicas para evitar brotoejas, sobretudo em pessoas predispostas.

OLEOSIDADE E ACNE

É comum o aumento da oleosidade e espinhas no verão. Use um sabonete adequado ao seu tipo de pele e um protetor solar para pele oleosa. Se mesmo assim surgirem espinhas ou oleosidade excessiva, procure um dermatologista para orientação de um tratamento adequado ao seu caso.

CUIDADOS COM OS CABELOS 

Antes de banhos de mar ou piscina, aplique um bom hidratante ou máscara nos cabelos.
Após sair do mar ou piscina, recomenda-se uma ducha de água doce para remoção do sal e sujidade.

Curta essa época sem se esquecer dos cuidados com a pele!

Postado por: Dra. Gabriela Nero Mitsuushi, publicado em: 20/12/2018

CRM 150 187 | RQE 61066
Especialidades: Dermatologia


Comente sobre este artigo

Você também pode gostar destes artigos